Anciãos e congregação das Testemunhas de Jeová são condenados por não denunciar abuso sexual infantil para autoridades



Dois anciãos e mais uma congregação das Testemunhas de Jeová foram punidos por um tribunal de justiça do estado de Delaware nos Estados Unidos por não ter denunciado as autoridades um abuso sexual infantil  . A condenação ocorreu no último dia 18 de janeiro e somente agora se tornou público devido aos esforços de ex Testemunhas de Jeová que trabalham para denunciar as ilegalidades da organização religiosa  . 
A condenação judicial sofrida pelo dois anciãos e também pela congregação das Testemunhas de Jeová no estado de Delaware é inédita e abre precedentes para que outros tribunais judiciais estabeleça  condenações similares a organização religiosa . 

Pela primeira vez um tribunal de justiça condenou lideranças das Testemunhas de Jeová nos Estados Unidos por não denunciar abuso sexual infantil em suas fileiras no país . Segundo informações advogados da Torre de Vigia fizeram todos os esforços necessários para que as condenações não se tornassem públicas . 

Segundo informações a congregação das Testemunhas de Jeová localizada no estado de Delaware que sofreu a condenação judicial por não ter denunciado o abuso sexual infantil foi obrigada a pagar uma multa no valor de US $ 19.500 . 
Os anciãos responsáveis pela congregação foram condenados a participar de um programa educacional sobre abuso sexual infantil e pagar custos do treinamento na instituição .  

Além das condenações , as Testemunhas de Jeová no estado de Delaware assinaram um acordo com as autoridades locais se comprometendo a denunciar para polícia qualquer abuso sexual infantil que venha acontecer em suas fileiras . 

Segundo informações as condenações foram relacionadas ao envolvimento sexual de uma mulher Testemunha de Jeová de 35 anos de idade , que foi detida pelas autoridades por manter relações sexuais com um garoto de 14 anos , filho de outra Testemunha de Jeová . 

Fontes das informações : jwsurvey.org/child-abuse-2/jehovahs-witness-elders-fined-for-failure-to-report-child-abuse-watchtower-settles-with-delaware

https://law.justia.com/cases/delaware/superior-court/2016/n14c-05-122-mmj-0.html













Comentários

  1. Graça e paz de Jesus nosso Senhor!

    SEITA HIPÓCRITA ESSA!!! LEIA ISSO!

    Fornecem as religiões do mundo a liderança certa?

    13-15. (a) Que perguntas sobre moral devem ser feitas com respeito aos adeptos da igreja a que a própria pessoa pertence? (b) O que a Bíblia diz que se deve fazer com um membro da congregação que persiste em violar as leis de Deus? (c) Fazem isto as igrejas?

    13 Defendem as igrejas da cristandade, em especial, os padrões de moral de Deus, provendo assim liderança para o resto do mundo? ...

    O que revela a vida de muitos dos que pertencem a tais igrejas?
    tp cap. 3 pp. 22-33 - Verdadeira Paz (tp)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hipocrisia descarada HIldon! Que Deus traga vingança sobre ela pelos seus muitos pecados!

      Excluir
  2. Respostas
    1. Concordo que é lamentável mesmo e odioso se verdadeiro!

      Excluir
  3. Graça e paz irmãos em Cristo!

    Hipocrisia e anticristianismo!

    Odioso até os céus!

    ResponderExcluir
  4. Amanhã já estrão a pedir histericamente mais donativos não informando os irmãos que são para pagar as indemnizações pela pedofilia ocultada a mando do Corpo Governante...

    ResponderExcluir
  5. Da pra ver que existe uma intolerância religiosa neste artigo.nuita hipocrisia também porque não existe religião no mundo que não aconteça infelizmente este tipo de abuso,no caso aí foi um jovem Adolescente,mas em muitas religiões é com crianças pequenas .sobre os bispos do vaticano ninguém fala. Fora outras mais.mas não sempre apontam as testemunhas de Jeová por causa de um julgam todos.povo hipócrita.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Número de bruxas nos Estados Unidos já é maior do que de Testemunhas de Jeová

Reunião Anual do Corpo Governante em 2018 identifica a Rússia como sendo o rei do norte

Atividades das Testemunhas de Jeová são proibidas em mais uma comunidade internacional