Nós não mandamos ninguém fazer isso!





Em dezembro último, o jogador de futebol australiano Alex Rance, de 30 anos, anunciou que estava se afastando dos esportes para se dedicar a família e sua comunidade religiosa, as Testemunhas de Jeová. A desistência por parte  do jogador que foi considerado por cinco vezes o melhor em sua modalidade esportiva chocou os australianos. 

Após a repercussão da desistência do jogador em continuar atuando nos gramados, um 
porta-voz das Testemunhas de Jeová procurou os veículos de imprensa para informar que a organização religiosa não teve nenhum envolvimento na decisão do esportista. 

Segundo o porta-voz das Testemunhas de Jeová, a organização religiosa nunca diria a alguém o que fazer com seu emprego, porque não tem autoridade para isso. 


"Na verdade, tudo se resume ao fato de não termos autoridade para dizer a ninguém o que fazer. Se uma pessoa estivesse fazendo uma escolha e pedisse conselhos, todos seriam baseados na Bíblia. 

No final, nunca diríamos a alguém para fazer isso, pois é totalmente contrário de nossa organização. É tudo uma escolha pessoal, diz o 
porta-voz das Testemunhas de Jeová. 







Quem conhece as Testemunhas de Jeová sabe que seu porta-voz na Austrália mentiu que nem criança, pois suas publicações contém vários conselhos sobre o que as pessoas devem fazer com seus empregos que não estão em harmonia com seus ensinamentos. 


Fontes da informação: theage.com.au/sport/afl/conflicted-ex-tiger-rance-wasn-t-told-to-quit-by-his-church-20200315-p54a9x.html

foxsports.com.au/afl/jehovahs-witness-say-they-didnt-tell-richmond-great-alex-rance-to-retire-at-the-end-of-last-year/news-story/bfe8443882068f4f6236ecbdf1d99c84

dailymail.co.uk/news/article-8114671/Mystery-surrounding-shock-retirement-Alex-Rance-amid-marriage-breakdown-deepens.html

testemunhasdejeovaemfoco.blogspot.com/2020/01/pendurando-as-chuteiras.html

Comentários

  1. Que o representante da Torre de Vigia mentiu, apesar de não ser de conhecimento geral, pode ser testificado por qualquer testemunha de Jeová. Estes membros, porém, caso fosse consultados, também ocultariam a verdade. Curiosamente, mesmo conversando entre si, negam perante outros membros o controle que a organização tem sobre eles.
    Mas a questão crucial sobre esse assunto é: Porque precisam mentir para ocultar práticas que acreditam ser instruções do próprio Jeová?

    ResponderExcluir
  2. É FALTA! Falta gravíssima "seu" juiz! Cartão VERMELHO para esse "jogador" da Torre! Ah! É um cartola! Punição exemplar para a Agremiação dos Trambiqueiros (ATCJ)!
    Dá para o Alex (atleta australiano) tb iniciar a carreira musical? Sem problemas?

    ResponderExcluir
  3. Eles metem pra manter a boa imagem que nao sao controladores e tal mas todos sabem que quem quer ser tj nao tem escolha a nao ser obedecer os dogmas dos 8 Dominantes bebedores de alcool..

    ResponderExcluir
  4. Não vejo problema em proibir, desde que a pessoa saiba onde está se metendo com antecedência. O problema é que o interessado entra achando que não proíbe (inclusive por causa de mentias como essa) e depois que está envolvido até o pescoço descobre que precisa jogar a vida pela janela por uma causa que já abraçou.
    ALGUMA TJ POR ACASO FICOU SABENDO DE TUDO O QUE PRECISARIA FAZER OU DEIXAR DE FAZER COM ANTECEDÊNCIA? ALGUM ESTUDANTE TEM PLENA CONSCIÊNCIA DE QUE ESTÁ ASSINANDO UM CONTRATO EM BRANCO COM O CORPO GOVERNANTE QUE PODERÁ PREENCHER QUANDO E COM O QUE QUISER POSTERIORMENTE, E AINDA ALTERAR AS CLÁUSULAS QUANDO BEM ENTENDER?

    ResponderExcluir
  5. torre de vigia cambada de mentirosos são como o pai da mentira são filhos do pai da mentira

    ResponderExcluir
  6. Nooossaaaa! Como diria a cobra Celeste do castelo Ra tim bum. Mentiu na cara dura!! Quem ver esta postagem pesquise sobre isto na Sentinela, tem vaaariiias provando q eles se metem na vida de todos seus membros. Todos tem de agor em conformidade a Org. Todos tem q tomar cuidado com o emprego pra nao vituperar o "nome" de Jeová. (Diga-se Jeová,se referindo a Org. A Watchtower, nao manchar nome da Empresa )

    ResponderExcluir

Postar um comentário