Mortes na casa de Jeová . Diretor da Torre de Vigia se joga do terceiro andar de prédio localizado em Betel



Continuando com nossa série de artigos sobre mortes em propriedades das Testemunhas de Jeová no mundo , nossa segunda matéria trás uma noticia publicada em 1990 por jornal norte americano que trouxe a informação do suicídio de um diretor da Sociedade Torre de Vigia de Bíblias e Tratados . 

Segundo a informação no dia 25 de julho de 1990 , Richard Wheelock , diretor de impressão da Torre de Vigia pulou do terceiro andar de um edifício localizado na sede das Testemunhas de Jeová em Brooklyn e acabou morrendo no local  . Na foto abaixo se pode ver os recortes do jornal que publicou a notícia . 



Tradução da notícia para o português realizada pelo blog Testemunhas de Jeová Em Foco .



Executivo da Torre de Vigia salta da janela do terceiro andar de edifício na rua Heights e morre 

Um executivo sênior da Torre de Vigia ( Testemunhas de Jeová ) que atua como supervisor da planta de impressão , pulou para a morte de um terceiro andar de um edifício de propriedade da organização religiosa localizado rua Heights em Brooklyn nessa quarta-feira dia 25 de julho por volta da 15h30 , conforme foi relatado pela polícia . 

Richard Wheloock , 75 anos morreu instantaneamente como resultados de vários ferimentos , declarou a porta-voz Ellen Borakove , do departamento de Medicina Forense da cidade . Ela determinou que sua morte foi devido ao suicídio .

Um representante da Torre de Vigia disse que Wheelock sofria de depressão profunda e estava sob cuidados médicos nos últimos anos em um prédio que é usado como enfermaria pela organização religiosa em Brooklyn  . 

Ele estava sentindo uma crescente tristeza após a morte de sua esposa a cerca de cinco anos conforme declarou voluntários da Torre de Vigia . 

" Ele teve problemas mentais e sofria de depressão profunda ",  disse Georgr Cough , vice presidente e porta-voz da Torre de Vigia . " Isso foi uma tragédia ." 

Tosse , que era amigo de Wheloock  jamais pensou que ele cometeria suicídio , embora percebesse que após a morte de sua esposa em 1985 , ele havia piorado .

A Torre de Vigia , é uma das três representações jurídicas das Testemunhas de Jeová , uma comunidade religiosa com mais de 500.000 membros nos Estados Unidos .

Wheloock trabalhou para a Torre de Vigia por 50 anos , cuidando das impressoras e de vários serviços realizados nos edifícios da comunidade religiosa localizados em Brooklyn .

O porta-voz do Distrito Policia 84 , disse que Wheloock pulou da janela da enfermaria localizada no terceiro andar de um edifício localizado na Willow Street .  

Os inspetores estão investigando o incidente , disse a polícia .  

O corpo de Wheloock foi encontrado por Jerry Marino , superintendente do edíficio 35 na  Clark Street , que disse ter acabado de chegar ao seu apartamento localizado no porão do prédio , depois de ter feito algumas compras nas proximidades por volta das 15h30 . 

" Eu estava lavando alguns legumes na pia e  quando abri as cortinas da cozinha vi
 alguns pés " , explicou Marino . " Foi quando eu vi o sangue ."

O terreno aonde Wheloock caiu tem cerca de três metros e meio de largura e usado regulamente por crianças com área de lazer devido a uma piscina existente no local . 

Era muito oportuno que tivesse crianças no local quando ele se matou , declarou Marino . 

Sua esposa Lorraine , entrou correndo no prédio depois de observar que a polícia e a ambulância estava nas proximidades . 

" Jerry ficou em péssimo estado ao ver o corpo bem próximo das janelas , " declarou sua esposa . 

Um discurso fúnebre será realizado na segunda-feira , 30 de julho numa das propriedades das Testemunhas de Jeová em Brooklyn .






Mais informações sobre esse artigo : https://johnhenrykurtz.blogspot.com.br/2008/05/suicidio-en-betel-lecciones-de-la.html

infotdgeova.freeforumzone.com/discussione.aspx?idd=7514601

https://www.reddit.com/r/exjw/comments/3o2fx9/suicide_at_bethel/


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Mulher relata que Testemunhas de Jeová escondem centenas de casos de abusos sexuais contra crianças

Vaza vídeo em que liderança das Testemunhas de Jeová pede para anciãos destruir provas de abusos sexuais de crianças

Drama no Reino . Abusada sexualmente aos seis anos de idade pelo pai ancião das Testemunhas de Jeová