O dia em que um ancião incendiou seu próprio Salão do Reino !



No ano de 2009 , uma Testemunha de Jeová que servia como ancião numa congregação na Noruega incendiou seu próprio Salão do Reino para destruir provas de sua desonestidade para com a comunidade religiosa . 

Segundo informações da imprensa local , a Testemunha de Jeová com cerca de 30 anos de idade na época , se dirigiu até o Salão do Reino , a qual era ancião congregacional e ateiou fogo no local . O fogo destruiu por completo o Salão do Reino . 

Dias depois , após investigações  autoridades conseguiram prender o ancião por ter incendiado o Salão do Reino . Em sua defesa , o ancião declarou que havia desviado cerca de 6.000 dólares da contabilidade da congregação , devido a seu problema com jogos lotéricos . 

Pelo incêndio , o ancião foi condenado a cumprir seis meses de prisão . 

Fonte das informações : https://www.t-a.no/nyheter/article63794.ece

https://www.adressa.no/nyheter/nordtrondelag/article1336152.ece

https://www.nrk.no/trondelag/siktet-for-brann-i-rikets-sal-1.6643989


Essa não é a primeira vez que uma Testemunha de Jeová causa um incêndio em seu próprio local de adoração . No dia 5 de setembro de 2017 foi publicado no blog Testemunhas de Jeová Em Foco , que na Alemanha , uma disputa entre membros da comunidade religiosa levou um dos envolvidos a atear fogo num Salão do Reino . Segue abaixo a reprodução da matéria . 




Disputa entre Testemunhas De Jeová leva mulher a incendiar Salão do Reino









Uma disputa entre Testemunhas De Jeová por pouco não terminou em tragédia na noite desta última segunda-feira dia 4 na Alemanha. 
Uma mulher identificada como Testemunha De Jeová ateou fogo em seu próprio Salão do Reino  a qual frequentava .
O incidente aconteceu na cidade de Menden nas proximidades de Dortmund  .
Na operação realizada para apagar o incêndio no Salão do Reino foram deslocados cerca de 80 bombeiros locais e  cerca de 17 especialistas em investigar incêndios tiveram de sair de Dortmund  para ajudar os bombeiros locais .  
Cerca de 17 veículos de emergência foram utilizados na operação  para conter as chamas no local  .

Poucas horas após o incêndio a polícia chegou ao principal suspeito de atear fogo no Salão do Reino  .
Uma mulher de 34 anos conhecida como Testemunha De Jeová e 
frequentadora do Salão do Reino foi presa pela polícia .
Segundo as primeiras investigações policiais a mulher ateou fogo no Salão do Reino devido a uma disputa interna entre frequentadores do local incendiado  .

Segundo a polícia a disputa e sobre o imóvel aonde está localizado o Salão do Reino  .
Ao todo a congregação das Testemunhas De Jeová tem o total de cerca de 100 membros e nenhum deles quiseram dar esclarecimentos sobre o ocorrido. 
Segundo a polícia local todos serão investigados até que que se cheque ao verdadeiro motivo que levou um membro daquela congregação a atear fogo em um edifício que ela usava para adorar a Deus .

Fontes das informações :https://www.wa.de/nordrhein-westfalen/brandstiftung-unbekannte-substanz-zeugen-jehovas-menden-8655055.html

https://www.wp.de/staedte/menden/anschlag-auf-zeugen-jehovas-verdaechtige-schweigt-id211828351.html

https://www.welt.de/politik/deutschland/article168310766/Gemeindemitglied-soll-Feuer-bei-Zeugen-Jehovas-gelegt-haben.html

www.berliner-kurier.de/news/panorama/grosseinsatz-im-sauerland-brandanschlag-auf-zeugen-jehovas---raetsel-um-weisses-pulver-28357440




Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O Rolex de Stephen Lett

A burrice da pregação das Testemunhas de Jeová

São Paulo sediará Congresso internacional das Testemunhas de Jeová em 2019