Irmão de Michael Jackson deixa a seita Testemunhas de Jeová e faz duras críticas as suas crenças


Jermaine Jackson , irmão do cantor Michael Jackson já falecido , declarou para a imprensa que abandonou o cristianismo e se converteu ao Islã .
Segundo o irmão do rei do pop , a motivação para se converter ao Islã veio devido a uma turnê junto com sua irmã pelo oriente médio em 1989 .
Segundo , ele várias crianças os acolheram calorosamente . 
Em conversas com essas crianças , elas disseram a ele que eram muçulmanos com orgulho . 
Segundo ele a confiança dessas crianças em suas crenças , o abalou por dentro . 

O tom de voz dessas crianças ao falar sobre o Islã , e seus orgulhos de pertencer a religião de Maomé , levou  Jermaine Jackson a se aprofundar nos seus ensinamentos .
Após isso ele resolveu se dedicar ao  Islã e comunicar a sua família sobre sua decisão  . 

Jermaine Jackson foi criado e educado como Testemunha de Jeová  . 
Ao lado de sua mãe e de seus irmãos entre ele Michael Jackson , eles tinha ampla participação nas atividades da seita . 
Atualmente somente dois membros da família de Michael Jackson estão ativos dentro da organização religiosa das Testemunhas de Jeová . 
A mãe de Michael Jackson tentou envolver seus dois filhos nos ensinamentos das Testemunhas de Jeová , mas esses não quiseram se envolver com a seita e não foram mais as suas reuniões . 

Após se converter ao Islã , Jermaine Jackson fez duras criticas aos ensinamentos das Testemunhas de Jeová , entre esses umas de suas principais crenças que apenas 144.000 pessoas irão para o céu . 
Veja o que diz sobre essa crença .

" De acordo com suas crenças , apenas 144.000 homens estão selecionados para entrarem no paraíso . Por que ? 
Permaneceu sempre um credo perplexo para mim " . 

Jermaine Jackson não entende porque as Testemunhas de Jeová ensinam que somente 144.000 pessoas irão para o céu , visto que as maiorias dos cristãos acreditam que todos os homens que se tornam seguidores de Cristo e praticam seus ensinos irão para o céu . 

Além de criticar , umas das crenças das Testemunhas de Jeová , Jermaine Jackson criticou a Bíblia  . 
Segundo ele , ficou perplexo ao descobrir que a Bíblia foi escrita por homens . 
Ele acha estranho , homens escreverem histórias e dizer que são autorias divinas . 


Fonte das informações : dailypost.ng/2017/04/04/converted-islam-michael-jacksons-brother-jermaine/

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Vazamento de carta indica que Testemunhas de Jeová lançarão um novo livro em outubro

Testemunha de Jeová vira herói do Grêmio na Taça Libertadores da América

Testemunhas de Jeová são acusadas de incentivar mulheres a suportar violência